22 novembro, 2010

Dammit, I love you.




“Se o amor dela morresse, eu arrancaria seu coração do peito e beberia seu sangue.”
morro dos ventos uivantes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário