31 agosto, 2010

Meu erro.



Ouvi dizer que você tá bem, que já tem um outro alguém. Eu chorei sem disfarçar quando vi seu carro passar, vi todo amor que em mim ainda não passou, eu já não sei bem aonde vou, mas agora eu vou. 
Tentei falar mas você não soube ouvir, tente admitir. Tentei voltar e pude ver o quanto errei, te amei mais que a mim, ah, bem mais que a mim, mais que a mim.

Meu erro foi te amar mais que a mim. 

.

09 agosto, 2010

Confused Feelings.


Sabe, quando os sentimentos estão tão confusos como jamais estiveram antes e então você não sabe mais o que sente? Seria esta a transição de um sentimento para o outro ou apenas a adição de um sentimento? É possivel sentir todos os sentimentos por uma pessoa? É possivel em um momento odiar e no seguinte morrer de paixão? Dizem que não se esquece quem ama, mas será que a gente não esquece apenas porque não quer esquecer ou apenas porque acredita que se é impossivel esquecer? 
Eu estou bem, levo a vida com uma facilidade nunca antes obtida da minha parte... meus amigos, minha escola, minha familia ...minha vida... e apesar de ainda algumas músicas, fotos, textos, temas e até pensamentos confusos me lembrar de como foi bom estar ao teu lado e saber que naquele curto momento insano em que acreditei que nada mais na vida era importante se não tivesse o amor eu fui completamente feliz, hoje me lembro de você com um certa nostalgia, uma saudade de algo que não vai voltar, e, sinceramente? Não sei se eu queria, apenas... é bom lembrar.
Sabe, é dificil, mas tô aprendendo a te esquecer.
(Se já tivesse aprendido, não estaria escrevendo pra você, mas não se preocupe, quando eu parar, você vai saber.)

04 agosto, 2010

Razão e Coração.


Entre a razão e o coração, eu escolhi o coração, e por mais que este caminho esteja cheio de pedras e buracos, continuo com a minha idéia inicial, de que o coração é melhor que a razão, pois quando se escolhe o coração, você não pode machucar o proximo, apenas a si proprio, e eu escolhi não machucar você.